3 de ago de 2011

O leite materno é o amor em gotas


Olá Meninas...

Estamos na Semana Mundial de Aleitamento Materno, e aproveitando essa oportunidade quero dizer o quanto acredito nisso e o quanto acho importante que as mamães que podem, dêem de mamar.

Acho que não contei para vocês, mas quando o Pedro nasceu foi muito difícil essa fase de amamentação. Por uma série de coisas, incertezas, autocobranças e questões relacionadas a minha inexperiência, o meu leite não descia direito.
E imagina? O Pedro chorava de forme de um lado e eu do outro. O que piorava ainda mais a situação.
Eu era muito resistente a complementar com mamadeira, queria muito amamentar, mas não tinha noção que para isso eu teria que descansar mais, ficar mais calma, mais tranquila e me cobrar menos. O resultado disso foi que o Pedro começou a não ganhar peso, e foi aquele desespero.

Na época, eu acabei trocando de pediatra e foi aí que conheci o Banco de leite da UFU - Universidade Federal de Uberlândia.
Foi muito bom! Porque não fui orientada assim antes? - eu pensava.
Lá eu aprendi a forma certa de amamentar, a importância de se cuidar emocionalmente e do ponto de vista de alimentação da mamãe. Tive acompanhamento com nutricionista neo-natal, pediatra e uma equipe super 10 em amamentação. Fora a troca de experiência com as mamães na sala de espera. Cada estória! Acabou fazendo muito bem pra mim.

Infelizmente, conheci o banco de leite tarde, o meu leite acabou secando por completo e eu tive que começar com o leite artificial para o Pedro. Mas me sinto orgulhosa de ter tentado até o fim e de todas as gotinhas de amor que dei para ele por meio do meu leite. Quando a gente amamenta saí vida do nosso corpo, saí uma fonte completa de amor e cuidado, uma sensação de cuidado que só a amamentação é capaz de trazer.
Por isso tudo, por tudo de bom que senti, independente do tempo que consegui a amamentar eu incentivo a todas as mamães a se prepararem para esse momento tão especial.

Leite materno é vida, é amor! Não abra mão de amamentar.
Se você puder, amamente seu filho(a) nos primeiros 6 meses de vida. É bom para o bebê, e bom para a mamãe também.

beijos, com carinho, Mey

4 comentários:

Cristiane disse...

Apoio a amamentaçao. sou de uberlandia e acabei de fazer um blog e estou buscando amizades para compartilhamos o que é ser mae!! Me visita:http://olhopreguicoso.blogspot.com/

Francine disse...

Parabéns Pedro!
Que papai do céu sempre te mande muitas alegrias, bençãos e muita saúde.
Enfim, 3 anos se foram, né Mey? Parece infinito, mas pelo menos sei que você aproveitou muito!

Parabéns, Pedro!

Tatiana disse...

Mey, 2 meses sem postar já?
Aparece! Estou com saudades do Pedro.

Anônimo disse...

parou de postar? q pena