21 de nov de 2012

Dicas para tirar leite materno


Olá Mamães!

Nessa próxima sexta-feira pretendo ir na aula da pós-graduação, apesar se poder seguir o curso em casa eu acho que perco bastante pela falta de troca de experiência em sala de aula, além disso a Fundação Dom Cabral passa tanto trabalho para fazer em casa na licença maternidade que acabei desanimando.
Por causa disso, resolvi estocar meu leite para deixar para a minha bezerrinha. O incrível é que ia comprar uma bomba elétrica e conversando com uma amiga no Instagram ela me ofereceu a dela emprestada. Simplesmente amei!!

Olha no começo não é tão simples, quase não saiu nada, você precisa encaixar bem a aréola do seio dentro da maquina e não sai lá essas coisas de leite. Mas depois que pega o jeito é bem legal.

Algumas dicas:

- O mais importante para você tirar o leite é estar tranqüila, em um lugar onde você não seja interrompida.
- Lave as mamas com água e sabão e enxágüe muito bem. As mãos devem estar higienizadas também. É muito importante a limpeza para evitar bactéria.
- É muito importante lavar esterilizar a bomba e os recipientes que você cai usar para armazenar. Eu guardo nas mamadeiras mesmo.
- Para armazenar é importante saber que na geladeira só pode guardar por 24 horas e que no freezer por até 15 dias. Após retirar colocar imediatamente para gelar.
- Sobre a bomba, se você tem uma elétrica perfeito, porque não dói nadinha, não machuca e tira rápido. Não conheço todas as manuais, mas o meu marido comprou aquela da Lilo e sinceramente não é pra mim. Dói demais e chegou ferir.Na bomba elétrica você pode ajustar a pressão e a velocidade a uma intensidade confortável. A bomba que estou usando é da Evenflor, importada e muito boa, como disse consegui emprestada. Sei que existem ótimas opções da Lansinhon, Avent, Medela, MAN, Chicco. Vale pesquisar nas lojas especializadas.
- Se você não tem condições de comprar e só precisa tirar o leite de vez em quando - para poder revezar nas mamadas noturnas com seu parceiro, por exemplo, ou para poder dar uma saída mais demorada sem o bebê, deve conseguir se virar tirando o leite manualmente. Este é sem dúvida o jeito mais barato, porém leva tempo e requer certa prática.
- Prefira fazer a ordenha depois de o bebê mamar. Se ele mamar só em um lado, você pode tirar o leite do outro. Na primeira mamada da manhã os seios costumam ficar mais cheios, e "sobra" mais leite para tirar depois que o bebê mamar. Ou então, é claro, se não estiver com o bebê, tire o leite mais ou menos na hora em que ele normalmente mamaria. Eu ainda estou aprendendo a tirar e fico um pouco insegura se não vou comprometer a mamada da bebê tirando o leite todo. Não tenho muito leite, acho que só o suficiente para ela mamar mesmo. Infelizmente não sou daquelas que o leite esguicha, mas estou conseguindo tirar 60ml, em 15 minutos. Ontem tirei 180ml o dia todo.
- Uma dica: Quando estiver tentando tirar, mantenha os movimentos ritmados, mas pense em alguma outra coisa -- de preferência no seu bebê (mas também pode ser assistindo a um programa de TV). Assim você aliviará a tensão e, quando se der conta, estará ordenhando uma boa quantidade de leite. É muito importante tomar bastante água enquanto tiver ordenhando.
- Uma boa notícia as boas bombinhas tentam imitar o movimento de sucção dos bebês, estimulando a "descida" do leite sem causar dor.

Bom é isso que tenho aprendido sobre tirar o leite e achei legal compartilhar com vocês. Se tiverem mais experiências para contar deixe comentário!

Beijos, Mey

Nenhum comentário: