1 de ago de 2010

Falta de apetite sexual pós parto

Olá Meninas! Saudades demais!
Estou passando aqui rapidinho para postar sobre um assunto muito interessante que a Ana Maria Braga falou no Mais Você dessa última semana: Falta de apetite sexual após o parto. O tema me chamou a atenção e me fez lembrar que também passei por isso. No programa, a Ana revelou que esse problema tem explicação: os hormónios.


Confira aqui, a matéria que está no site do Mais Você:

Falta de desejo sexual. Essa queixa faz parte da rotina das mulheres que acabaram de dar a luz. Isso traz muito conflito à vida dos casais. E a explicação para isso está nos hormônios. Eis a explicação para tanto mal estar. É a prolactina, liberada durante a amamentação.


Outra explicação está na natureza! É uma maneira que o organismo encontrou de manter a mãe junto da criança. Só que nem sempre os maridos conseguem compreender. E aí existe ainda outro complicador: seja no parto normal ou na cesariana, os médicos recomendam dois meses sem sexo. É o prazo que o útero precisa para se recuperar.

A atriz Gabriela Duarte, durante bate papo com a Ana Maria, contou que passou um pouco pelo problema. “O filho desestabiliza aquela relação, mas vem para ser um vínculo eterno. Foi algo que aconteceu , mas passou. Não tive nenhum tipo de recomendação do médico porque foi algo natural. Precisa ser muito conversado entre o casal”, disse.

Sobre o assunto, Ana Maria conversou com o ginecologista Eduardo Tomioka, um dos mais entendidos na questão. “A queda hormonal é inevitável, mas outros fatores participam da questão da libido. O sexo pode ser muito prazeroso se alguns fatores forem reduzidos. Recomendo que minhas pacientes durmam adequadamente, que saibam delegar atividades para que ela possa dormir", disse o médico. "O afeto do marido, entendendo que essa fase é normal e dividindo as tarefas, faz com que reconquiste esse desejo sexual da parceira. Não é só o hormônio que participa. Acima do papel de mãe existe o indivíduo, que é a mulher. A amamentação tem um papel enorme neste período, mas ela também tem outros papéis. Digo sempre que o marido deve imaginar que está começando a conquistar a mulher, como no início do namoro”, completou Tomioka.

Muto legal essa matéria, confiram o vídeo no http://maisvoce.globo.com/MaisVoce/0,,MUL1610051-10344,00FALTA+DE+APETITE+SEXUAL+APOS+A+GRAVIDEZ+E+EXPLICADA+NOS+HORMONIOS.html

Uma dica minha para quem está vivendo essa situação é saber que os dois tem que entender que existe tempo para todas as coisas e tentar curtir esse tempo de bebê novo. Mas para as mulheres eu chamo a atenção: não deixe esse tempo prolongar mais que o necessário, se esforcem para curtir o maridão como antes, crie momentos para que isso aconteça.
Logo que o Pedro nasceu eu passei por isso, mas se eu não tivesse arregaçado as mangas estaria nessa até hoje, porque motivos não faltam para o cansaço.
Como eu sempre falo aqui, o casal deve ter atenção especial na família, porque é a sustentação dela. Então meninas, invistam em momentos a dois com seus maridos. Sei que não é fácil, nem todo mundo tem alguém por perto para poder deixar o bebê poder dar uma esticadinha. Mas mesmo em casa, com o bebê dormindo, dá para ter muitos momentos interessantes a dois. Basta querer e entender a importância disso para o casal.
E os maridos não se esqueçam que todo dia é dia de reconquistar. Invistam no romance, não é porque a esposa é mãe do seu filho que deixou de ser sua namorada.
Ok?!
beijos, boa semana, Mey

Nenhum comentário: