23 de jan de 2011

Dormindo sozinho no quartinho

O Pedro já está dormindo sozinho na sua caminha.
(Nem acredito que estou escrevendo isso aqui!)

Depois de meses, anos, dormindo no nosso quarto, eu tomei a decisão que assim não dava mais para ficar. A questão era muito mais de falta de iniciativa, do que de difilculdade dele dormir no seu próprio quartinho.
Assim, eu coloquei uma meta, uma data, e comecei, de forma regressiva, preparar tudo para que quando esse dia chegasse, eu colocasse em prática nosso objetivo: e foi um sucesso.

A primeira coisa que fiz, foi reorganizar o quartinho dele. Mandei fazer um armário, caminha nova,  pintei uma das paredes bem colorida e ambientei da melhor forma que pude. Em cada etapa eu participei ele de tudo, mostrava cada novo detalhe e fazia uma festa, como na entrega de um presente. O que faltava era um ar condicionado, porque o quarto é bem quente e ele já é acostumado desde pequeninho a dormir com o aparelho ligado. Procurei reproduzir ao máximo o ambiente que ele dormia no nosso quarto.

Quando chegou o dia, o mais dificil já tinha acontecido, o LC estava super preparado e consciente de que isso é o melhor para ele. Cheguei do trabalho e no dia combinado, ele mesmo já tinha tirado a cama do nosso quarto. Perfeito! Toda a família estava envolvida.

Pronto!!! Superou as minhas expectativas. Ele dormiu lá mesmo, sem reclamar e pedir para ir para nosso quarto. No meio da noite, acordou meio assustado, mas eu fui correndo lá e tranquilizei ele, lembrando que estava no seu quartinho.
Já tem uma semana e meia que ele está lá, dormindo no próprio cantinho, inclusive ele pede para ir pra lá. Percebi que ele gostou muito dessa novidade. Sentiu seu espaço.

É claro que não está sendo fácil, toda mudança exige muito de nós. A gente dormia a noite toda quando ele dormia no nosso quarto, agora a gente tem acordado as vezes, umas porque ele acorda para fazer xixi, outras porque vamos lá dar uma espiadinha. Em algumas noites ele acordou mais vezes, outras ele dormiu a noite toda. Ando um pouco mais cansada por acordar de madrugada, mas tenho certeza que isso vai passar e que ele está no melhor lugar, no lugarzinho dele.

Mas foi bem mais fácil do que eu pensava. Em todas as etapas, tenho aprendido que é muito mais a nossa adaptação do que a deles. No começo tira um pouco a gente da nossa zona de conforto, mas depois volta tudo ao normal. Está sendo assim nessa fase e foi assim quando tiramos a fralda. Hoje já estamos colhendo os frutos, ele não usa fraldas a um tempinho nem de dia, nem de noite. Morro de orgulho disso!
Um conselho: se tem alguma coisa que você precisa mudar aí na sua casa, comece convencendo a você mesma, marque data para isso e com certeza vai superar seus limites.

com carinho, Mey

11 comentários:

Rafaela disse...

Oi!
Leio seu blog há tempos e me ajudou muito na tarefa "ser mãe!"
Meu filho Matheus dorme sozinho no quartinho dele desde os 2 meses de idade,foi muito bom acostuma-lo assim,pois sei como é difícil mudar a rotina depois...
Se puder fale mais sobre a adaptação do pedro na escolinha,tô pensando em colocar o meu baby também...Obrigada,bjo

Rafaela Costa Srocaba SP
rafamaria@yahoo.com.br

Carol Siqueira disse...

Parabéns, Mey! Eu acho que tudo de mais importante além da decisão foi você valorizar junto com o Pedro o novo cantinho dele, com nova caminha, novas cores. Eu me lembro que quando eu decidi trocar os quartos aqui em casa (o de brinquedo foi para o quarto que ele dormia) eu fiz toda uma preparação também antes de montar a sua caminha e comprei uma cômoda nova... e montar tudo aquilo lá perto do Paulo Neto foi uma festa. Quando acabamos de montar a sua caminha, ele pulava e comemorava com a gente a sua evolução. Foi um dos dias mais felizes aqui em casa, nós 3 em um quarto muito pequeno comemorando uma minúscula caminha.
Bjos, amiga! Te amo muito e POR FAVOR, não deixe de escrever por aqui. É tão bom quando vc posta. Carol Siqueira.
www.falamamae.com

Sandra Hellen disse...

Você falou tudo: "comece convencendo a você mesma". Esse é o grande segredo de qualquer mudança!
Eu escuto muito das minhas amigas que já são mães que eu não vou conseguir deixar o Elias dormir no berço dele quando nascer, até meu esposo não acredita nisso!! Mas...desde quando soube que estava grávida comecei a trabalhar essa meta comigo mesma. Sei que vai ser difícil por vários motivos, e o mais forte deles: psicológico! Afinal é uma simbiose de quase 9 meses (se ele esperar mais um pouquinho pra nascer)difícil de quebrar do dia pra noite. Vai exigir muito de mim...mas estou disposta a tentar!!!

Parabéns Mey!!! É muito bom lêr e aprender com outras mamães! E o melhor, vêr que pode sim dá certo!!!!

Beijos pra vocês!!

Mey disse...

Vocês não imaginam a alegria que fico quando leio os comentários de vocês. Vale a pena as madrugadas no blog para compartilhar todas essas minha experiências com vocês. Ando muito cansada, trabalhando muito e tenho pensado em parar um pouco com o blog, mas agora esses comentários de vocês estão sendo como uma nova injeção de ânimo. Obrigada pelo carinho. Prometo postar mais e sempre que der.
Muito obirgada por tudo!
beijos, Mey

Ana disse...

Nossa Mey que gracinha! Pedro já sem fraldas, já na sua caminha, e já na escolinha! Lindo, lindo. Te admiro muito! Bjos

daniela disse...

ola tenho seguido seu blog ha um tempo e tem me ajudado muito!! Coloca a fotinho do novo quarto do Pedro p gente ver como ficou, fiquei curiosa, bjos

Simply Cintia disse...

parabéns!!!

Branquinho disse...

Mey, que legal que vc conseguiu. e achei super inteligente o metodo que vc usou. graças a deus não foi traumatico pra ele e tudo correu muito bem. To pensando quando chegar a minha vez. Mas eu to itrando ele da min ha cama e colocando ele no berço dele, no meu quarto justamen te por causa do ar. Não estou muito satisfeita com o metodo que eu to usando, mas é o unico jeito depois que ele caiu da minha cama e abriu a testa.

Maria Betânia Fuller disse...

Mey que legal, parabéns! Eu que acompanho essa jornada sei como vc desejava, e que bom que foi bem espontâneo, e o Pedro não apenas acessou a novidade como ficou contente. Concordo com vc ao dizer que as vezes as mudanças são mais difícieis para nós pais do que para eles de fato, é bem assim, quando eu coloquei a Lana no quarto dela meu marido ficou de coração partido, depois fui eu, que comecei a seder e dormir lá com ela quando amamentava, agora o bom que ela já estava no ambiente dela e é bem mais fácil eu sair de lá já se ela resmunga estou encima do que ela ir para um ambiente novo.
Parabéns pela mãe zona que vc é amiga. Beijosss

Moira Taddei disse...

Que bom Mey. Parabéns pra vc, LC e claro, pro querido Pedro. Esse 'trenzinho gostoso' é nota 10 =)

Tatiana Andrade disse...

Oi Mey, tudo bem!!! Parabéns ao Pedro, mais uma conquista de sua família linda. Meus gêmeos dormem sozinhos um pouco... quer dizer... só a Mylle... o Gui dorme conosco desde dezembro e eu não consigo tirar... mas com sua ajuda terei uma dica de poder realizar este sonho. Parabéns ao seu filho, Mey.
Tati e bebês.
P.S: aaaaaaah vc me inspirou em mais um post. Vou falar sobre isto, obrigada.